Seguro de conteúdo para sua decoração: o que é e o que cobre


uma seguro residencial É uma das melhores coisas que podemos fazer para proteger nossa casa e estar preparados para problemas potenciais. Porque existem muitas coisas com as quais nos preocupamos dentro de nossa casa, e se forem danificadas ou roubadas, teremos um alto custo para substituí-las. Ninguém pode consertar o valor sentimental, mas pelo menos com uma apólice de seguro residencial teremos a certeza de que teremos suporte financeiro para substituir qualquer coisa que esteja danificada.

Mas para que isso aconteça, nosso seguro residencial deve cobrir não apenas o continente, mas também o conteúdo.

O que você vai ler? →

Faça seguro de conteúdo em seguro residencial

Al alugue o seguro da sua casa É muito importante que você reveja toda a sua cobertura. Uma garantia que cobre os móveis e tudo em sua casa corresponde ao seguro de conteúdo.

Mas você também deve considerar os termos da apólice porque nem tudo está coberto. Por exemplo, obras de arte, joias ou dinheiro muitas vezes têm condições especiais e até exigem seguro independente.

Além disso, os conteúdos são segurados até um certo limite. Ou seja, se o conteúdo estiver segurado a 5.000 euros e houver incêndio em que todo o conteúdo se extravie, a seguradora pagará apenas 5.000 euros a título de indemnização pelo conteúdo, ou a taxa correspondente se não for perdido. tudo. .

Então, é muito importante proteger o conteúdo corretamentesem ir contra (porque é inútil, pois a seguradora vai olhar tudo com lupa quando se trata de reembolso), mas não incompleto. Embora seja verdade que aumentar o valor do seguro incluído aumenta o preço da apólice, quando se trata disso, se você tiver que reivindicá-lo, ficará feliz por ter acertado.

Perguntas frequentes sobre seguro de conteúdo para móveis

O seguro de conteúdo para móveis em apólices residenciais frequentemente levanta muitas questões. A seguir, respondemos os mais frequentes.

O que pode ser incluído no conteúdo?

Tudo dentro de sua casa está sob proteção. Além de móveis, eletrodomésticos, elementos decorativos, aparelhos eletrônicos, louças, roupas e produtos têxteis, lâmpadas, etc. é considerado conteúdo. Quando se trata de dinheiro, joias e obras de arte, é importante revisar sua cobertura, pois pode ser necessário declarar esses ativos separadamente e até mesmo protegê-los de uma certa maneira.

O inquilino pode fazer seguro de conteúdo?

É altamente recomendável que o locatário ou locatário tenha seu próprio seguro residencial que cubra seus pertences, entre outras coberturas.

Como o conteúdo é avaliado no seguro residencial?

O ideal é que o segurado avalie o conteúdo com base em seu valor ou custo de reposição. A questão é que, se houver uma reclamação, a indenização será avaliada por um especialista. Uma forma de obter a compensação mais justa possível é apresentar faturas de compra de móveis.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo